Principal Notícias Centro de Formação “Pequeninos de Jesus” passará administrar a Casa Lar de Frutal
Centro de Formação “Pequeninos de Jesus” passará administrar a Casa Lar de Frutal PDF 

casasaEm uma reunião ocorrida na manhã de terça-feira (14), foi discutida a possibilidade de se transferir a administração da Casa Lar de Frutal para o Centro de Educação e Formação Infantil “Pequeninos de Jesus”. A própria direção da instituição sinalizou esta ideia propondo um novo modelo de administração e gestão do serviço de atendimento e acolhimento de crianças em situação de vulnerabilidade, risco ou negligência.

De acordo com o promotor de justiça, Renato Teixeira Rezende, curador da Infância e Juventude da Comarca de Frutal, o atual modelo não atende às expectativas, conforme foi verificada nas últimas inspeções realizadas pela Regional de Uberaba. Com isso, a proposta é descentralizar o serviço e torná-lo mais eficiente, produtivo e de melhor qualidade, oferecendo mais segurança para o público infanto-juvenil e suas famílias.

“Enquanto voluntários e clubes de serviço estão terminando a construção da nova Casa Lar, nós trouxemos esse público para um diálogo a fim de descentralizar a administração e implantar um modelo de gestão em conformidade com as novas legislações que modificaram o Estatuto da Criança e do Adolescente, para acolhermos estas crianças em situação de vulnerabilidade e para que esse acolhimento seja mais eficiente”, salientou.

O promotor diz ainda que é preciso discutir o regimento interno da instituição, bem como trabalhar na reestruturação dos recursos humanos, infraestrutura, logística e alimentação. “Temos que fazer toda essa movimentação na cidade para que a gente atinja essa finalidade, com mais segurança, pois essa transferência não será feita da noite para o dia, mas em conformidade com as legislações municipal e federal”, observa.

Segundo o promotor, novas reuniões deverão acontecer em breve para voltar a discutir esta questão. “Eu tenho a incumbência de tentar uma conciliação entre município e entidade, estabelecer diretrizes, inclusive com os voluntários. Temos ainda que repassar um material da Regional da Infância de Uberaba, que instrui criar uma rede especial de atendimento. Após todos estudarem os termos, vamos sentar novamente para discutir outros pontos”, acrescenta.

A coordenadora e fundadora do Centro de Formação, Deusmanda Ferreira de Oliveira, comenta que já possui uma larga experiência nesse aspecto, uma vez que já teve cinco crianças dentro de sua casa, sem documentação, mas que não podiam ficar desamparadas. Diante deste fato, passou a constar todos os requisitos no regimento interno da instituição para oferecer os devidos cuidados às crianças.

“A Prefeitura passando para nós a parte financeira e nós com a equipe de voluntários, estamos unindo as forças para tratar destas crianças da melhor forma possível, não apenas olhando as necessidades materiais, mas também a afetividade tão necessária para o amparo delas. Vamos acolher as crianças que têm problemas da melhor forma possível, amparando-as com muito amor e carinho”, enfatiza.

O assessor jurídico da Prefeitura de Frutal, Márcio Marano, comenta que a administração vem trabalhando nesta questão desde janeiro, tentando melhorar o serviço que já era prestado pela Casa Lar. Conforme explica, o Centro de Formação “Pequeninos de Jesus” já atende em torno de 250 crianças e tem em seu estatuto a possibilidade de cuidar também das crianças com problemas familiares.

“A instituição e uma equipe de mulheres voluntárias têm trabalhado para buscar melhorar ainda mais o serviço prestado e de forma separada vão passar a cuidar também destas crianças da Casa Lar, em parceria com órgãos da Prefeitura, Poder Judiciário e Ministério Público. A partir de agora, passaremos para formalização deste acordo. É justamente a ideia de a união faz a força e isso tem dado certo”, finaliza. (Assessoria de Imprensa da Prefeitura)